Home Office

O Coronavírus te obrigou a trabalhar home office? Esse pode ser o melhor do mundos

lelomaia
Escrito por lelomaia em 19 de março de 2020
O Coronavírus te obrigou a trabalhar home office? Esse pode ser o melhor do mundos
Junte-se a mais de 12.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos.

Confira 10 dicas para se sair bem e manter a produtividade no home office

Planejamento de tarefas

O item mais importante para trabalhar home office e manter a produtividade é a organização. Saiba exatamente o que deve fazer durante o dia, seja por meio de agenda ou cronograma de atividades.

Faça um check-list e, conforme as tarefas forem realizadas, marque e passe para a próxima etapa.

Tenha um ambiente propício para o trabalho

Trabalhar na cama com o computador no colo é pedir para se distrair e não conseguir produzir. Pense em um ambiente próprio para trabalhar.

Caso não tenha um escritório, separe um local que não tenha tanta interferência externa.

Procure eliminar ao máximo as distrações

Por estar em casa diariamente, assuntos como lavar roupa ou o banheiro podem tirar o foco. Se comprometa em cumprir o planejado para o dia e evite distrações.

Trabalhe com qualidade.

Determine horários de trabalho

Uma das maiores vantagens do home office é poder flexibilizar os horários. Mas isso não quer dizer que trabalhará 24 horas por dia ou trabalhará pouco.

É necessário que haja equilíbrio entre as tarefas e o lazer. Veja o período em que produz mais e organize o dia a partir disso.

Nunca use pijama

Jamais, em hipótese alguma, trabalhe de pijama. Primeiro porque pode haver uma emergência e acabar tendo que participar de reuniões online.

Segundo porque é prejudicial confundir as funções do trabalho com as de casa. Tente separar isso ao máximo.

O ideal é tomar banho, colocar uma roupa confortável, mas decente, e partir para a produção.

Crie metas 

Além do planejamento do dia, criar metas aumenta a produtividade. Metas a curto, médio e longo prazo colaboram para que se consiga sair da zona de conforto.

Caso consiga cumprir as metas, que tal uma recompensa? Se motive, dia após dia, a ser melhor.

Programe intervalos

Não pare quando sentir vontade. Ter disciplina e obedecer ao horário de pausa regulará sua rotina.

Intervalos de 10 a 15 minutos são o suficiente para manter o rendimento.

Mantenha a mesa organizada

É impossível trabalhar e render em um ambiente desorganizado.

A bagunça confunde e causa desânimo, além de tirar o foco. Por isso, procure sempre deixar os papeis e documentos organizados em pastas ou gavetas.

Beba água!

Pode parecer desnecessário, mas é comum que o profissional esqueça de beber água ou até de se alimentar nos horários corretos por conta do trabalho.

É comprovado que a água estimula o cérebro.

Acabou? Arrume a mesa para o dia seguinte

O escritório tem hora para fechar, certo?

Na sua casa também é necessário encerrar as atividades. Arrume a bagunça e não esqueça de fazer o checklist das tarefas realizadas.

4 armadilhas para a produtividade no home office

Ausência de uma rotina

Não ter uma rotina é bom inicialmente, mas pode ser prejudicial caso a pessoa tenha problemas com a disciplina.

Para criar uma rotina, se atente em: listar o que precisa ser feito; reduzir o tempo para tarefas que não acrescentam; anotar o que exige mais atenção; fazer o planejado.

Também é importante definir um horário certo para dormir porque isso colabora para o relógio biológico.

Tentar ser multitarefas 

Quem tenta fazer muito não faz nada. Por conta do imediatismo presente nos nossos dias, fazer mais coisas em menos tempo é o que todo profissional deseja.

Além de diminuir a produtividade, tal atitude pode causar doenças psicológicas sérias.

A exemplo disso temos ansiedade, depressão, irritabilidade, dificuldades de dormir e demais problemas que poderiam ter sido evitados com uma rotina menos desgastante.

Usar aplicativos em excesso

Os aplicativos viciam e roubam o tempo que deveria ser direcionado à produção.

Tomar cuidado com o uso exagerado do celular é fundamental para que ele não se torne uma armadilha, que prejudicará o trabalho e até a vida pessoal.

Saber o momento certo de se desconectar pode trazer diversos benefícios até mesmo para a saúde. A dependência não é saudável, não importa se está relacionada ao álcool, drogas ou WhatsApp.

Procrastinar diminui produção

Quem nunca empurrou uma tarefa com a barriga que atire a primeira pedra, não é mesmo? Mas, apesar disso, o hábito de não cumprir prazos e adiar serviços só faz mal para quem age assim.

Avalie o motivo pelo qual está procrastinando. É ansiedade? Depressão? Preguiça? Desmotivação? Medo de errar? Reflita sobre isso e se force a continuar.

Caso necessário, procure um especialista para conseguir lidar melhor com a real causa de sua procrastinação.

Vantagens e desvantagens do home office

As vantagens de trabalhar em casa podem ser inúmeras, sendo que o principal atrativo é, de fato, desfrutar da comodidade do seu lar. Este, talvez, seja o sonho de todo profissional, sendo vantajoso economicamente e pessoalmente.

Mas nem só de alegrias vive o ser humano, correto? Confira uma lista de vantagens e desvantagens do home office:

Vantagens:

• Independência e autonomia;
• Flexibilidade de horários;
• Boa alimentação;
• Redução do estresse relacionado ao trânsito;
• Privacidade;
• Redução de custos;
• Facilidade para ter outro tipo de renda;
• Otimização das tarefas;
• Isolamento (Em caso de pandemia, entra nessa categoria).

Desvantagens:

• Confundir os ambientes;
• Excesso de trabalho;
• Preconceito;
• Dificuldade para tirar tempo de lazer.

Se você, a partir de agora, terá que trabalhar home office, agradeça. É possível que você passe um longo período nesse modelo de trabalho que cresce a cada dia e é extremamente prazeroso.

E aí,

o que você achou deste conteúdo? Conte pra gente nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *